• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Técnico do Vélez lamenta derrota para o Fla e destaca força do Rubro-Negro: “Equipe da mais alta hierarquia”

Após dois jogos sem vitória no Campeonato Carioca, o Flamengo voltou a vencer na temporada. Pela estreia da Copa Libertadores, o Rubro-Negro bateu o Vélez, por 3 a 2, em Buenos Aires. Técnico da equipe argentina, Mauricio Pellegrino lamentou o resultado adverso, mas destacou a força e qualidade do Rubro-Negro.

Competimos com uma equipe da mais alta hierarquia. Nos esforçamos ao máximo. O positivo é que estes rivais nos ajudam a crescer. O negativo é o resultado, porque estivemos duas vezes à frente no marcador e não conseguimos sustentar -, disse o treinador argentino em entrevista coletiva após o duelo.

O Fla começou bem a partida no Estádio José Amalfitani, mas foram os donos da casa que saíram na frente. Aos 21, Lucas Janson colocou o Vélez em vantagem. Na reta final do primeiro tempo, Willian Arão recebeu belo passe de Gerson na grande área e empatou.

Já na etapa complementar, aos nove, Janson fez mais um para o Fortín (apelido do Vélez na Argentina). Porém, minutos depois, Gabigol, em cobrança de pênalti magistral, deixou tudo igual. Quando o confronto parecia se encaminhar para um empate, Arrascaeta, aos 35, com chute forte e preciso no ângulo do goleiro Lucas Hoyos, decretou a vitória do Mais Querido.

Publicado em colunadofla.com.