Tudo normal: Flamengo ganha título sobre o Vasco no sub-20 e garante lucro para apostadores rubro-negros

Tudo normal: Flamengo ganha título sobre o Vasco no sub-20 e garante lucro para apostadores rubro-negros

Mengão foi melhor que o Vasco na decisão

É campeão! Flamengo e Vasco da Gama protagonizaram mais um clássico, mais uma decisão da categoria sub-20 (antiga juniores). Em São Januário, os meninos da Gávea seguraram o time da Colina e deram a volta olímpica. O 1 a 1 nos serviu pois havíamos vencido a primeira partida da final por 2 a 1, na Gávea. Curiosamente, as mesmas duas equipes decidem o Campeonato Estadual da temporada. Confira abaixo as últimas notícias, de acordo com o Oddsshark.com.

Prêmios pagos (segundo o Spin Sports):

É muito bom ser campeão e ao mesmo tempo faturar uma grana! Foi o que aconteceu no último sábado. O empate, que nos foi suficiente, pagou R$ 3,50 / 1.

O maior prêmio da rodada saiu na modalidade “intervalo / final do jogo”, que deu “Flamengo / empate” e que gerou excelentes. R$ 15,00 / 1.

O placar exato de 1 a 1 pagou R$ 7,00 / 1.

Na “hipótese dupla”, as recompensas foram de R$ 1,36 / 1 para “Vasco da Gama ou empate” e de R$ 1,66 / 1 para “Flamengo ou empate”.

Ganhou dinheiro quem disse que teríamos menos de 2,5 gols ao longo da partida: R$ 2,00 / 1.

Finalmente, na modalidade “empate anula a aposta”, as casas de apostas devolveram o montante investido.

Clique neste link do Oddsshark.com para mais informações.

Vasco da Gama 1, Flamengo 1

Vasco da Gama e Flamengo decidiram o Torneio Octávio Pinto Guimarães num clima de certa tensão. A rivalidade entre os dois gigantes cariocas está à flor da pele na categoria sub-20.

Já dissemos que ambos decidem o Estadual sub-20. Ambos estão muito bem no Campeonato Brasileiro. A Cruz de Malta terminou a fase de classificação na ponta e o Urubu em terceiro.

Finalmente, no primeiro jogo da final do OPG, aconteceu uma briga generalizada na Gávea, após O Mais Querido do Brasil marcar o gol da vitória por 2 a 1.

No sábado, apenas cinco mil pessoas puderam retirar ingressos grátis nas bilheterias de São Januário. Os de vermelho e preto começaram melhores e mereceram sair na frente com Yuri Oliveira. No segundo período, os locais equilibraram as ações e chegaram ao empate com Roger, que havia entrado pouco antes. No fim, a pressão vascaína foi em vão e a festa foi rubro-negra.

Ficha técnica

Vasco da Gama: Halls; Tenório, Ulisses, Menezes (MT) e Alexandre Mello (Arthur); Juninho (Roger), Caio Lopes, Vinícius e Figueiredo; Laranjeira (Linnick) e João Pedro (Riquelme). Técnico: Marcos Valadares.

Flamengo: Hugo Souza; Matheus França, Otávio, Natan e Ramon; Matheus Alves, Yuri Oliveira (Ítalo), Luiz Henrique (Gomes) e Yuri César; Wendel (Douglas) e Rodrigo Muniz (Ryan Luka). Técnico: Maurício de Souza.

Local: São Januário.

Público: 5.000.

Gols: Roger e Yuri Oliveira.

Cartões Amarelos: Hugo Souza, Linnick, Luiz Henrique, Matheus França, Maurício Souza, Natan, Otávio, Vinícius e Yuri Oliveira.

A Campanha do Flamengo:

1ª Fase:

Isento.

2ª Fase:

Isento.

3ª Fase:

3×0 Audax Rio – f

3×2 Audax Rio – c

4ª Fase:

2×0 Volta Redonda – c

1×2 Volta Redonda – f

5ª Fase:

1×0 Sampaio Corrêa – c

0x1 Sampaio Corrêa – f (5×4 nos pênaltis)

Final:

2×1 Vasco da Gama – c

1×1 Vasco da Gama – f

Histórico da competição

A competição que homenageia o ex-presidente da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro foi disputada pela primeira vez em 1971 e o Botafogo foi seu primeiro campeão.

Depois de alguns anos sem acontecer, o torneio voltou a ser disputado em 1981. O Vasco da Gama faturou o primeiro bicampeonato ao vencer as edições de 1981 e 1982. Botafogo, Flamengo, Flamengo e Campo Grande completam a lista de laureados até 1986.

O certame saiu do calendário novamente e voltou a constar nele de forma regular a partir de 1993 (1994 foi exceção).

O Flamengo é o maior campeão, com onze troféus. Botafogo e Vasco da Gama têm seis; Fluminense e Olaria dois. Com um título temos Bangu, Cabofriense, CFZ do Rio, Portuguesa, Campo Grande e Nova Iguaçu.

Flamengo ficou em terceiro no Infantil

Campeão do Torneio Octávio Pinto Guimarães, o Flamengo não teve o mesmo sucesso no Campeonato Estadual Infantil – denominado sub-15. O Vasco da Gama ganhou tanto a Taça Guanabara quanto a Taça Rio e se sagrou campeão estadual sem precisar disputar uma finalíssima. As finais de ambos os turnos foram contra o Fluminense, vice-campeão da temporada.

Na classificação geral do Estadual Sub-15, o Flamengo chegou na terceira posição. Completaram a lista de participantes: Botafogo, Boavista, Nova Iguaçu, CA Barra da Tijuca, Madureira, Bangu, Volta Redonda, America, Portuguesa, AD Itaboraí, Resende FC, Macaé, Cabofriense, Goytacaz e Americano.



Canal no Telegram: Clique aqui e faça parte do nosso canal para receber todas as notícias em primeira mão.