• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • OCTACAMPEÃO BRASILEIRO

Versátil, campeão e carismático: ex-Flamengo, Fierro anuncia aposentadoria do futebol

Gonzalo Fierro teve passagem discreta pelo Flamengo, mas conseguiu marcar história no clube carioca. Ídolo do Colo-Colo (CHI), o jogador fez múltiplas funções no Rubro-Negro, de lateral direito a meia ofensivo, sendo considerado um atleta versátil dentro de campo. Aos 38 anos, ele anunciou a aposentadoria do futebol.

 

 

O chileno levantou três títulos com a camisa do Flamengo: dois Cariocas (2009 e 2011) e um Campeonato Brasileiro (2009). Na campanha que terminou com o troféu nacional, inclusive, foi quando Fierro entrou mais vezes em campo com o Manto Sagrado. Naquela temporada, ele atuou em 32 jogos e marcou um gol, sendo 24 partidas disputadas no Brasileirão daquele ano.

Fierro entrou para a história do Flamengo não somente pelos títulos conquistados, mas por ser o primeiro atleta chileno a defender o Manto Sagrado. Além disso, ele foi o primeiro estrangeiro a ser convocado para uma Copa do Mundo sendo jogador do Rubro-Negro. Ao todo, Gonzalo defendeu o Fla em 92 jogos e marcou dois gols, contra o São Paulo, pelo Brasileirão de 2009, e diante do Duque de Caxias, pela Taça Guanabara, do Carioca de 2010.

O chileno defendeu por quatro temporadas o Flamengo, mas o clube que mais estivera foi o Colo-Colo, onde atuou de 2002 a 2008, quando foi contratado pelo Rubro-Negro, e de 2012 a 2018. Posteriormente, o atleta passou pelo Antofagasta (CHI) e pelo AC Colina (CHI), último time que esteve antes de anunciar a aposentadoria.

Publicado em colunadofla.com.