• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

Willian Arão cita Juan como exemplo e considera aposentadoria no Flamengo: “Já me imaginei aqui por mais de 10 anos”

Willian Arão chegou ao Flamengo em 2016. De lá para cá, o volante viveu altos e baixos vestindo o Manto Sagrado. Criticado por muitos torcedores, o camisa 5 deu a volta por cima com Jorge Jesus. O jogador não só se tornou titular absoluto, como virou peça chave na formação do elenco. De ‘patinho feio’ a ‘patinho bonito’, Arão caiu nas graças da Nação Rubro-Negra.

Em entrevista coletiva no CT Ninho do Urubu nesta sexta-feira (07), Willian Arão comentou sobre a possibilidade de encerrar a carreira no Mais Querido. O atleta garantiu a vontade de cumprir o contrato e permanecer no Flamengo por muitos anos. Vale lembrar que recentemente Arão foi cotado como um pedido de Jorge Jesus para o Benfica.

– Vou dizer que sim, mas ainda não pensei quando vou encerrar minha carreira. Mas não sei o dia de amanhã. Eu tenho 28 anos, mas não sei se com 38 vou continuar em alto nível. Eu já me imaginei nesse clube por mais de 10 anos. Tem o Juan aí, já me imaginei vestir isso. Quem mais vestiu a camisa no elenco hoje, sou eu. Eu nunca imaginei estar jogando essa quantidade. Encerrar a carreira, não sei… Deixo meu futuro nas mãos de Deus. Tenho contrato longo e quero cumprir. Estou feliz aqui.

Apesar da montanha-russa que viveu no Flamengo, Arão é um jogador vitorioso com o Manto Sagrado. São três Campeonatos Cariocas, um Brasileirão, uma Libertadores, uma Supercopa do Brasil e uma Recopa Sul-Americana. Além disso, o camisa 5 é o jogador desse elenco que mais vestiu a camisa Rubro-Negra.

– Quando você vê as taças ali, ela já passou e ninguém tira mais do Flamengo e dos jogadores. Você fala: eu consegui e conquistei. Isso dá gás, eu quero chegar ano que vem aqui e ter mais taças para tirar fotos.

Publicado em colunadofla.com.