| Futebol

Pará e Rodinei acirram disputa pela vaga de titular

flameng - Pará e Rodinei acirram disputa pela vaga de titular

Antes titular absoluto, Rodinei vê Pará em boa fase e terá que lutar para recuperar vaga

Rodinei chegou ao Flamengo no início do ano. Depois de uma temporada ruim de Pará, o novo lateral direito tomou conta da posição e logo agradou aos torcedores.

Mesmo sem um primeiro semestre brilhante do Rubro-Negro, Rodinei conseguiu sair ileso as eliminações da equipe. Ele garantiu a vaga de titular absoluto na equipe.

Mas no dia 4 de julho sofreu uma contusão óssea no joelho esquerdo e uma luxação no cotovelo que o afastou dos gramados por quase um mês dando lugar ao retorno de Pará.

Nesse meio tempo, o Flamengo decolocou no Brasileirão e se fixou na briga pelo G-4. E muito desse momento se deve ao desempenho de Pará. Fechando a defesa ao apoiando no ataque, o jogador se tornou peça importante na equipe.

No setor ofensivo, recompõe bem melhor que Rodinei, nesse meio tempo inclusive a defesa Rubro-Negra se encaixou e sofreu bem menos gols do que costumava sofrer.

O desempenho de Pará foi tão satisfatório que mesmo com a recuperação de Rodinei, o lateral seguiu na posição. Nesse meio tempo foram 8 jogos, 5 vitórias, 2 empates e apenas uma derrota.

Na última quarta-feira(24), Zé Ricardo optou por escalar um time alternativo contra o Figueirense, na estreia da Copa Sul-Americana. Pará foi poupado e Rodinei voltou a ser titular, mas o Flamengo perdeu de 4 a 2 para a equipe catarinense.

O desempenho de Rodinei não foi bom, apesar de toda a equipe não ter se saido bem na partida. Mas a vaga que antes tinha um dono absoluto agora passa a ser disputada com condições iguais para os dois.

Cabe ao técnico Zé Ricardo optar por quem vai encaixar melhor na equipe. E no domingo(28) ele já terá a oportunidade de escalar um dos dois, o Flamengo encara a Chapecoense, em Chapecó, pela décima segunda rodada do Brasileirão.

Fonte: Goal

Comentar pelo Facebook

Leia também


Comentar pelo Site

Nenhum Comentário
Seja o primeiro a comentar essa notícia.